Drag Queen processa cidade porque ficou presa em cadeia feminina

Uma drag queen entrou com uma ação contra a cidade de Nashville, no estado do Tennessee (EUA), e a empresa que opera uma das suas prisões, porque ficou presa por três anos em uma cadeia feminina, segundo a emissora de TV “WSMV”.

Karla Brenner disse que a sua vida na cadeia ficou num inferno depois que as outras prisioneiras descobriram que ela tinha anatomia masculina.

“Uso cabelo comprido, maquiagem – Eu sou um artista, uma drag queen. Isso significa basicamente que sou um homem que gosta de se vestir como mulher. Mas não sou uma mulher e não tenho nenhuma intenção de ser”, disse.

A drag queen passou três anos presa após ser condenada por roubar uma bolsa.

Veja também

A norte-americana Audrey Nicole fez uma publicação no Facebook de homenagem à namorada do seu ex-marido. O texto tornou-se viral.

HOMENAGEM A NAMORADA DO EX-MARIDO TORNA-SE VIRAL

A norte-americana Audrey Nicole fez uma publicação no Facebook de homenagem à namorada do seu …

Deixe uma resposta