Enfermeira despedida ousada

ENFERMEIRA DESPEDIDA POR FOTOS OUSADAS

Keira Goodwin participava em calendários sensuais solidários.

A enfermeira-chefe de um colégio interno em North Yorkshire, no Reino Unido, foi despedida depois dos funcionários terem feito queixa desta, por participar em calendários solidários em que aparecia em lingerie.
Keira Goodwin, de 34 anos, trabalhava como enfermeira no exclusivo colégio de Giggleswick, onde um ano de matrícula pode custar mais de 13 mil euros.
Participava desde 2011 no calendário solidário Hotties for Heroes, que angaria fundos para ex-membros das Forças Armadas. A mulher estava em funções há apenas 5 meses e, após ter sido denunciada pelo staff, ficou devastada por perder o trabalho.
Mãe de um filho, Keira Goodwin será estrela do mês de junho do calendário deste ano, de calções curtos com uma arma nas mãos.
A enfermeira diz-se orgulhosa do trabalho que faz para caridade e afirma que vai continuar a participar nos calendários solidários, onde muitas das mulheres que posam são namoradas ou esposas de membros das Forças Armadas.
“Somos todas normais, vimos em vários tamanhos e todas temos carreiras diferentes”, afirmou Keira, numa entrevista antes da polémica rebentar. O diretor do colégio, contactado pelo The Sun, disse “não comentar questões relacionadas com os funcionários” e assegurou que “o colégio apoia as Forças Armadas”.

Fonte: CM

Veja também

A norte-americana Audrey Nicole fez uma publicação no Facebook de homenagem à namorada do seu ex-marido. O texto tornou-se viral.

HOMENAGEM A NAMORADA DO EX-MARIDO TORNA-SE VIRAL

A norte-americana Audrey Nicole fez uma publicação no Facebook de homenagem à namorada do seu …

Deixe uma resposta