Homem que fez sexo com o sofá procura acordo na justiça

Gerard P. Streator, de 46, preso em Setembro do ano passado depois de ser apanhado a fazer sexo com um sofá abandonado numa calçada na cidade de Waukesha, em Wisconsin (EUA), foi à justiça na procura de um acordo judicial que o tire da cadeia.
O hotel no qual o homem trabalhava entrou com um processo para que Gerard consiga trocar a pena por trabalho comunitário, pena suspensa ou multa, de acordo com o site “The Smoking Gun”, mas o estabelecimento quer focar na “saúde mental” do acusado.
Streator foi visto por um policia a fazer movimentos sexuais contra o sofá como se estivesse tendo relações sexuais com uma pessoa e, quando foi confrontado pelo o agente, o homem fugiu a pé. Gerard foi acusado de comportamento lascivo.

Veja também

A norte-americana Audrey Nicole fez uma publicação no Facebook de homenagem à namorada do seu ex-marido. O texto tornou-se viral.

HOMENAGEM A NAMORADA DO EX-MARIDO TORNA-SE VIRAL

A norte-americana Audrey Nicole fez uma publicação no Facebook de homenagem à namorada do seu …

Deixe uma resposta