Japoneses criam sutiã que só abre se houver ‘amor’

A empresa japonesa Ravijour resolveu inovar no mercado de lingeries ao criar um sutiã que supostamente só se abre quando a mulher sentir amor (ou tesão) pelo parceiro.

A peça funciona da seguinte forma: Quando a mulher está apaixonada (ou excitada) na presença do parceiro, sua frequência cardíaca tende a subir. O sutiã então regista os batimentos cardíaco e envia essa informação para o smartphone. Quando essa frequência chega a 100, ou qualquer outro valor pré-estabelecido, o sutiã desbloqueia, fazendo a alegria do casal.

Veja também

VEM TER ACESSO AO TIKTOK ADULTO – PARTE 2

Deixe uma resposta