Jovem estudante tira nota baixa e decide processar a escola

Ter um C+ (equivalente em Portugal a uma nota entre 11,5 e os 13,3 valores) numa disciplina não é motivo de desespero, já que isso equivale a uma nota média. Mas para Bowen Bethards, aluno da Albany Highschool, na Califórnia (EUA), a sua nota final de Química virou motivo de processo.

De acordo com a sua mãe, Laureen Bethards, o jovem acabou por faltar a uma aula em que houve uma avaliação de laboratório. No entanto, mesmo tendo justificado formalmente a sua ausência, ele não foi autorizado a fazer o teste.

“O meu filho viu os seus direitos negados e eles roubaram a sua nota”, disse ela.

Com um C+ na disciplina, o jovem não conseguiu ingressar na universidade que queria e acabou por processar o professor e a escola.

Em tribunal, foi alegado que Bowen sofreu física e emocionalmente por conta do estrago no seu histórico académico Agora, ele quer que a sua nota seja alterada para A+ (que aqui corresponderia a uma nota entre 18,3 e os 20 valores) e pretende embolsar 10 mil dólares (cerca 7.600€) por danos morais.

Nos EUA as notas tem 12 escalões que são representados por letras de A até F sendo que cada letra tem ainda a subdivisão “+” e “-”, em que:

A+ = Equivale a notas entre 18,3 e 20 valores.
A –
B+
B –
C+ = Equivale a notas entre 11,5 e os 13,3 valores
C –
D+
D –
E +
E –
F+
F –

Veja também

casal

CASAL DÁ UMA QUECAA EM PLENO AVIÃO

Tem casal que quando viaja no avião tenta usar a casa de banho para dar …

Deixe uma resposta