Home / CONSULTÓRIO SEXY / Lubrificação na medida certa deixa o sexo ainda mais fantástico

Lubrificação na medida certa deixa o sexo ainda mais fantástico

Se existe um lugar onde você pode deixar o seu parceiro escorregar sem medo, esse lugar é a cama

Falta ou excesso de humidade podem fazer a sua noite fracassar. “Quando a mulher apresenta excitação sexual adequada, a lubrificação vaginal chega a seu máximo e favorece a penetração”, afirma o ginecologista Edílson Ogeda, do Hospital Samaritano de São Paulo. Assim, o acto sexual rola sem desconforto ou dor, o que só faz seu prazer aumentar.

Vale saber que a lubrificação é diferente em cada mulher. Se na hora H você percebe estar seca, não se preocupe além da conta. Basta descobrir quais são as razões e as soluções para que o sexo volte a ser muito mais suave.

Cerca de um terço das mulheres jovens afirma sentir falta de lubrificação, de acordo com pesquisadores da Universidade de Indiana, nos EUA. Às vezes, a culpada é a pressa. Quando você acelera as preliminares, não chega totalmente excitada ao evento principal. Péssima jogada: “Na ausência da secreção, a penetração torna-se difícil e dolorosa”, diz a ginecologista Elisabete Dobao, do Rio de Janeiro.

E, pior, contribui para infecções causadas por fungos. Se o seu parceiro é do tipo que vai direto para o vamos ver, peça mais brincadeiras. Ou, melhor ainda, conte a ele que é mais vantajoso se você chegar lá primeiro. Depois do primeiro orgasmo com masturbação, sexo oral ou um acessório, as chances de você ter uma boa lubrificação para o segundo round são maiores.

Não arranque os cabelos
Outros factores levam a ficar seca, como o stress. “Estar de bem com a vida tem uma influência positiva sobre a libido”, diz Ogeda. “Com ela em alta, a lubrificação vaginal é mais adequada.” Anticoncepcionais com pouco estrógeno, infecções fúngicas não diagnosticadas, amamentação, menopausa e alguns medicamentos (anti-histamínicos e antidepressivos) são outras causas.

No outro extremo, apesar de incomum, a lubrificação em excesso também causa incomodo – use uma toalhinha para secar a área e prefira preservativos sem lubrificante. Ela pode estar relacionada com um problema ginecológico e, por isso, deve ser investigada.

Faça a escolha certa
Nas farmácias e sex shops, há lubrificantes feitos de silicone, água, petróleo e óleo. A melhor aposta, em geral, são os à base de água: seguros junto do preservativo, fáceis de limpar e sem deixar manchas nos lençóis. Ainda assim, os especialistas sugerem testar os produtos para verificar se não causam alergia.

Quem usa preservativo deve ficar longe de produtos á base de petróleo ou óleo, que podem destruir o látex. Já mulheres propensas a infecções fúngicas precisam procurar uma opção sem glicerina, que contém açúcares e promove o crescimento dos fungos.

Caso nenhum dos dois seja alérgico, vale experimentar opções diferentes, como os lubrificantes que aquecem. “O calor pode aumentar a sensação de prazer pela reacção vascular local”, diz Marzano. Mas, como a lubrificação em excesso pode diminuir a sua sensibilidade, comece usando um pouco e vá adicionando mais.

Veja também

corrimento vaginal

3 HÁBITOS QUE ESTÃO TE PROVOCANDO CORRIMENTO E NEM IMAGINAS!

3 Hábitos que estão te Provocando Corrimento e nem Imaginas! A secreção vaginal é formada por …

Deixe uma resposta