Mulher processa Playboy após tacada (forte) nas nádegas

Liz-Dickson-Playboy

Uma modelo americana candidata a ser uma das coelhinhas da Playboy está a processar a revista e um locutor de rádio (Kevin Klein) onde pede uma indemnização de 500.000 dólares (cerca de 360.000€). Tudo por causa de uma tacada, mal dada, pelo locutor de rádio, nas nádegas da moça. Não, não se ponham c0m ideias esquisitas. Foi uma tacada de golfe!

Decorria, em Los Angels, em março de 2012, um torneio patrocinado pela revista com a participação de alguns convidados entre eles Kevin Klein (o radialista) que decidiu fazer uma brincadeira. Com a modelo de bruços, o colocou o tee (um pequeno suporte para a bola de golfe e que se costuma espetar no chão) espetado na minissaia da modelo entre as suas nádegas. Até aqui nada traumatizante. A seguir fez dos cálculos e deu a tacada final. Os cálculos parecem não ter sido os adequados pois o taco “raspou” com força na nádega (direita) da modelo. Resultado, uma nádega negra como se vê na foto.

Liz Dickson era uma perfeita desconhecida para o mundo da moda mas estava na “calha” para uma carreira no universo paralelo das belezas da Playboy, até que ficou gravemente lesionada neste incidente.

Entretanto processou a Playboy alegando trauma físico e emocional .
Para perceber melhor veja o vídeo:

Veja também

VEM TER ACESSO AO TIKTOK ADULTO – PARTE 2

Deixe uma resposta