‘Sargento’ do programa “Primeira Companhia” da TVI fica sem olho à bastonada

Vítor Monteiro, conhecido do público como o ‘Sargento’ que dava instrução a participantes em reality shows, como a ‘Primeira Companhia’, da TVI, ficou sem o olho direito na sequência de uma agressão à bastonada que diz ter sido cometida por um agente da PSP durante uma operação na Amadora. O ex-comando já foi apresentar queixa no Ministério Público, na Polícia Judiciária e na Inspecção-Geral da Administração Interna. A PSP diz, por seu lado, que desconhece o caso.

A situação ocorreu na noite de 6 de Outubro, quando Vítor Monteiro, 42 anos, regressava a casa, no Casal de São Brás, Amadora. “Quando passava de moto na estrada dos Moinhos da Funcheira, vi uma carrinha da PSP parada e, de repente, três agentes saltaram para a estrada de braços no ar.
Ainda travei, mas, no momento em que ia a passar por eles, um puxou do bastão e bateu-me na cabeça. Fiquei atordoado com a pancada, mas não caí. Quando parei, dez metros à frente, estava a escorrer sangue. Assim que olhei para trás, já não vi ninguém”, conta ao CM, recordando que “ia com a viseira do capacete aberta”.
“Sem telemóvel e a sangrar do olho direito”, Vítor foi para casa; mas as dores e a hemorragia obrigaram-no a dirigir-se ao Hospital de Santa Maria. “Fiquei sem o olho direito. Nunca mais vou recuperar esta vista”, constata. “Agora só quero justiça, descobrir quem me fez isto”.
A PSP garante desconhecer a situação e que não se realizou nenhuma operação naquele local na noite de dia 6, mas afirma que abrirá um processo de averiguações se for notificada.

Veja também

casal

CASAL DÁ UMA QUECAA EM PLENO AVIÃO

Tem casal que quando viaja no avião tenta usar a casa de banho para dar …

Deixe uma resposta